Galeria - Imagem 1
Voltar para Acervo

Inajah Cesar

Inajah Cesar, é Inah, do Rio de Janeiro, da beira do mar e da mata fechada, oriunda da escola pública, professora de educação infantil, e apaixonada pelos encontros. Acredita que, com eles, aprendeu a ouvir, desenhar, a bordar histórias e imagens. Os caminhos levaram à PUC-Rio, onde é graduada em Desenho Industrial – Design Gráfico. Lá também desenvolveu a pesquisa do texto, desenho e bordado na extensão “Do tecer ao texto e vice versa”, em que diversos saberes tradicionais, manuais e femininos se cruzaram. Atualmente constrói, com sua dupla, os caminhos do estúdio quitanda, um espaço pequeno para construção de projetos de design gráfico, ilustração, editoriais e impressos diversos, por meio da escuta atenta, parceria e trocas sinceras. 

O Instituto Ibirapitanga apresenta a série “Antirracismo: Marchas e levantes negros do Brasil” que traz ilustrações de Inajah Cesar inspiradas em importantes momentos de movimentos negros no país. A primeira ilustração da série busca reverberar as vozes que precisaram ocupar as ruas durante a pandemia de covid-19 para afirmar que  “vidas negras importam”. Representa os protestos realizados durante junho de 2020, contra as mortes de pessoas negras, seja pela violência policial ou pela negligência do Estado, violações de direitos às quais o momento de crise sanitária se sobrepõe. Num diálogo internacional, com seu lugar no Brasil, os protestos de 2020 marcaram um novo momento dos movimentos antirracistas, reafirmando o protagonismo de pessoas negras e aprofundando o debate sobre a responsabilidade do engajamento de pessoas brancas. 

A produção da série “Antirracismo: Marchas e levantes negros do Brasil” contou com a cessão de fotografias de arquivo de organizações parceiras, para alimentar o processo de criação da artista. Agradecemos ao Pedro Borges – Alma Preta pela cessão de fotografias para esta primeira ilustração.